Copy
21 de agosto de 2020
Olá, <<Nome>>

Uma das tendências que encontramos esta semana é a de empresas criando cubículos para você trabalhar em casa. A ideia é boa para se isolar um pouco (ou muito, no caso do conceito da Stefanini) e o mais legal é que se você tiver habilidades manuais (não é com a gente), dá para visitar uma loja de materiais de construção e improvisar seu próprio. É realmente a experiência corporativa em casa. 

Nesta semana também tem uma análise do mercado de TVs no Brasil, a chegada do Nintendo Switch com alguns anos de atraso, bobagens que os algoritmos fazem e redes sociais correndo atrás do rabo, como sempre. Boa leitura e até semana que vem! - Henrique e Samir
Eletrônicos de consumo
por que é difícil escolher uma tv grande?
Todo mundo acha um inferno escolher uma nova televisão: não faltam opções. Só esta semana, a LG lançou quatro novos aparelhos com tecnologia OLED (preços a partir de R$ 8.399, o Henrique testou o modelo CX) e a Semp anunciou um modelo LED de entrada com preço sugerido de R$ 2.599.

Mas não é à toa que o consumidor fica confuso: são pelo menos 118 modelos de televisores com resolução 4K e mais 11 aparelhos 8K à venda em agosto no mercado brasileiro, de acordo com um belo e trabalhoso levantamento da revista Home Theater feita no varejo, com modelos das linhas 2019 e 2020. 

Destrinchamos alguns números da tabela, fomos atrás de informações adicionais e chegamos a algumas conclusões interessantes: 
  • Samsung (45 produtos) e LG (44 produtos) são responsáveis pela maioria dos modelos disponíveis. Não à toa, Samsung é líder de vendas nesse mercado há 14 anos. 

  • Os demais televisores são distribuídos entre Sony (18), Panasonic (8), TCL (7), Philips (6) e Semp (1).

  • A TV mais barata da lista é a Philips PUG6513 de 43" com resolução 4K, que sai em torno de R$ 2.000. Mas sempre bom ressaltar que a maioria dos preços variam muito no varejo. Um exemplo: a lista cita a TCL P8M de 50" por R$ 2.200, mas dá para achar por R$ 2.099 e é sempre bom pesquisar preços. Dos modelos mais baratos, a geração nova da Samsung é excelente (em 8K também).

  • Onze aparelhos da lista têm resolução 8K - dois da LG, oito da Samsung e um da Sony. O mais barato é um da LG NanoCell de 65" (65NANO96SNA), que custa em torno de R$ 14.000, e o mais caro é uma Samsung QLED de 85" que chega a R$ 99.999. Vale notar que o mesmo modelo com tela de 75" custa R$ 49.999. Cada polegada custa caro.  
    A TCL não tem TVs 8K no momento, mas lança novos aparelhos no final do mês. 

  • Tamanhos de tela vão de 43 a 86 polegadas, com quatro tipos de tecnologia de display usados: LED, OLED, QLED e NanoCell. 

  • Os tamanhos de tela com mais modelos disponíveis: 65" (38), 55" (32), 75" (17) e 50" (12). Mas temos 13 equipamentos acima de 77 polegadas. 

  • Comandos de voz são algo consolidado: 96 televisores estão equipados com o recurso. E HDR (grande alcance dinâmico de imagem, que ajusta brilho e contraste) está em 128 modelos da lista - apenas a Philips mais barata que não tem a função. 
LG OLED GX: TV para pendurar na parede (LG/Divulgação)
Veredito
Os reviews do Samsung Galaxy Note 20 Ultra chegam a uma conclusão óbvia: é o melhor smartphone Android do segundo semestre. Mas também dizem que é ótimo, tira fotos incríveis, mas é mais do mesmo. Como diz Mr. Mobile em sua avaliação: "todo ano espero um episódio novo da minha série favorita. No fim das contas é uma reprise". 

Nos EUA, a Samsung está vendendo o Note 20 sem fones de ouvido - mas se você ligar para a assistência técnica eles mandam um de graça (errr). Checamos com a Samsung Brasil e os Note 20 locais virão com fones na caixa.
A caminho
A Oppo vai lançar smartphones na América Latina em parceria com a América Móvil, começando pelo México com a Telcel e no resto da região com a Claro. Será que a parceria Claro/Oppo chega ao Brasil? Perguntamos e ficamos no vácuo.
Onde está o 5G?
Com smartphones 5G no mercado (até mesmo no Brasil no modo gambiarra), o que fazer com tal tecnologia no bolso? Joanna Stern, do Wall Street Journal, responde em um vídeo divertido e conclui o óbvio: não é para usar no smartphone, mas sim dentro de casa.
Meu iPhone, minha Vida
A Apple fechou uma parceria com o Itaú para vender iPhones em parcelas a perder de vista - mas para isso você precisa ter o valor completo do aparelho disponível no limite do cartão de crédito. 

Em tempo: o mais recente vazamento do iPhone 12 mostra que ele será muito parecido com o velho e bom iPhone 4, só que em dimensões bem maiores.
Foi sem ter sido
A BlackBerry vai voltar a lançar smartphones (agora com 5G!) em 2021. Claro que vai ter um teclado físico, para felicidade das três ou quatro pessoas no mundo que ainda gostam dessa coisa.
Nova geração
A Asus mostra dia 26 a nova geração do smartphone Zenfone 7 em Taiwan. O produto deve ser anunciado para o resto do mundo na sequência - mas realmente nos surpreendemos em ver um Zenfone em 2020.
Invisível...
A ZTE mostra em setembro o primeiro smartphone sem entalhe na tela, com a câmera frontal embaixo do painel. A conferir se vai funcionar direito.
...e dobrável
O Nubia Watch é um relógio inteligente com esteróides, com uma tela OLED flexível que envolve o pulso do seu dono. Ainda em financiamento coletivo, mas o Verge colocou um no pulso.
Parece aquelas pulseiras de bater e enrolar no braço, só que mais cara. (Nubia/Divulgação)
Foguete de preços
A venda de computadores no Brasil no segundo trimestre não seguiu o crescimento do início do ano e segue em queda, agora com preços muito maiores. O levantamento do IDC mostra que o preço de notebooks e desktops subiu até 67,8%.
O que a Oculus fez errado esta semana
A subsidiária de realidade virtual do Facebook agora requer que novos usuários entrem no serviço usando… o Facebook. Usuários antigos precisam unificar as contas Oculus e Facebook. Parece um jeito forçado de fazer que as coisas funcionem em conjunto.

Achados Amazon
Cultura digital
Tendência da semana
Despejar qualquer foto do seu rolo da câmera no Instagram, sem escolha, sem edição, sem filtro.
Segue a faxina
Twitter e Facebook seguem com o modo "despejo de lixo" ativado. O Twitter diz que aumentou o número de contas banidas por conteúdo indesejado (seja violência ou pornografia).

Já o Facebook aperta o cerco contra grupos de teoria da conspiração (Qanon) - e meio que todas as redes sociais bloquearam a divulgação da sequência do filme conspiratório Plandemic (o Buzzfeed fez uma "crítica" da porcaria).
até tu, oráculo?
A Oracle entrou na disputa para comprar o TikTok e se junta a Twitter e Microsoft, que já demonstraram interesse na rede social de dancinhas.

A melhor análise da semana é da Bloomberg, com o repórter Tim Culpan dizendo que ele mesmo vai comprar o TikTok, já que é fácil sair falando que entrou nas negociações.  

No Brasil, o TikTok fechou um acordo com o PagBank, do PagSeguro, para que os criadores recebam pagamentos na conta do banco digital.
Vampetaço
[substantivo masculino]

É o nome dado ao movimento de lotar a timeline de alguém com fotos do jogador de futebol Vampeta como veio ao mundo em seu clássico ensaio para a finada G Magazine.

A tática foi usada com um músico racista que atacou o Brasil dizendo que odiava o país por achar “inferior”. Agora vai odiar com motivo (e com o perfil trancado, com medo de mais um vampetaço).
Isso é muito Black Mirror
Uma mudança no algoritmo do GCSE (uma espécie de Enem britânico) somada a incompetências de gestão fez com que a nota de alunos de escolas privadas fosse mais alta e a de escolas públicas, mais baixa.

Até uma aluna premiada por escrever uma redação distópica sobre algoritmos enviesados levou nota ruim.
Mais streaming que podemos acompanhar
Games
Escalou
A disputa da Epic/Fortnite contra a Apple (que bateu o valor histórico de US$ 2 trilhões esta semana) segue em maior escala. Agora a Apple diz que vai suspender a licença de desenvolvedor da Epic, o que pode afetar criadores de games mundo afora por conta do mecanismo Unreal Engine, caso um acordo não seja feito.

A coisa segue na justiça americana, e tem muita gente falando que a Epic tem boas chances de ganhar. E agora a "taxa Apple" segue questionada por outros mercados além dos games - como o de jornais e revistas.
Antes tarde do que mais tarde
Três anos após o seu lançamento, a Nintendo anunciou que o Switch vem oficialmente para o Brasil (e já foi homologado pela Anatel faz tempo) agora restam muitas dúvidas: como serão os esquemas de vendas? Quais serão os preços praticados no console? E nos jogos?
Velocidade de cruzeiro
Pouco após o início das vendas do Flight Simulator no Brasil, o preço da versão completa já subiu e foi para R$ 429.

Se você é um entusiasta não vai achar caro, e também gostará de comprar este joystick Thrustmaster Sidestick Airbus Edition. E vai se divertir com os bugs no jogo.

Se você não é um entusiasta, entenda aqui razões pelas quais Google e Amazon deveriam estar de olhos bem abertos para o jog… digo simulador.
Senta aqui...
E temos um review da cadeira gamer da Logitech feita com a Herman Miller.
Na Netflix
A série documental GLDK conta a história de videogames clássicos.
Anota aí
O pessoal do Overloadr anunciou um podcast documental liderado pelo Rique Sampaio para contar a chegada dos computadores e jogos eletrônicos ao Brasil.

Primeiro Contato será lançado em 2021, mas o trabalho complexo se estende há alguns meses e vale a pena ficar de olho no que o projeto promete. (O histórico deles é excepcional, a qualidade é garantida).
Enquanto o Pato não vai bem
(Sim, um trocadilho de futebol) O jogo do ganso terá um update com multiplayer, sinal de que continua indo muito bem, obrigado!
Se um ganso já irritava, dois podem irritar muito mais no Untitled Goose Game (Reprodução/House House)
Fall Guys em ascensão
O jogo, que já dava sinais claros de ser um sucesso pelo número de pessoas reclamando de derrotas nas partidas em suas redes sociais, passou Valorant, LoL e CS e foi o mais assistido dos últimos dias na Twitch.
Noção em falta
Pessoal da Ogilvy fez uma campanha para o Burger King em que doações são feitas para streamers lerem anúncios dos clientes (em vez de pagarem o patrocínio para eles anunciarem os produtos de fato).

Dá para ler nos replies e nos RTs comentados que a ideia sen-sa-ci-o-nal só agradou os gênios envolvidos na ação.
Leituras longas
Dois perfis
Na Wired, a história de Marcus Hutchins, "o hacker que salvou a internet" (e depois foi preso). E no Link tem um papo com James Steyer, um dos responsáveis pela campanha de boicote de anunciantes ao Facebook.
Te dou um dado?
Na Elle (paywall), uma análise de como seus dados vão fazer a moda ser algo cada vez mais personalizado.

E a Fórmula 1 usou dados e aprendizado de máquina para descobrir quem é o piloto mais rápido da história, em parceria com a AWS.
O Grande Habbo
O Habbo Hotel completa 20 anos, e o UOL Start conta mais sobre o jogo/rede social/fenômeno do passado. 
Experimentos
A Wired instalou 34 pacotes de expansão para The Sims e conta quais são os mais legais. E o Verge ensina a usar as ferramentas de transcrição do Google.
Sigiloso
Na TidBits, o engenheiro da Apple que ajudou a criar um iPod espião, em um projeto ultra-secreto.
TechBiz
Eles que lutem
Semana passada falamos da Stone comprando a Linx, de automação para o varejo. Não comprou ainda, já que a Totvs também demonstrou interesse e agora há uma disputa de quem leva a Linx.
Tendência estética da semana
Ideias parecidas mundo afora: a Stefanini criou um "mini home office" para seus funcionários trabalharem em paz dentro de casa (é um cubículo fechado com porta), a Panasonic no Japão também lançou algo parecido para você poder chorar durante o expediente sem a família ver. 

Abram o link e imaginem uma pessoa que mora num apartamento de 40 m2 tendo que explicar para o consagrado que vai receber esse frigobar adesivado pra não ter o barulho das crianças de fundo na call incomodando seu gerente.
Heróis da quarentena
A pessoa incrível que se gravou em vídeo para fugir de videoconferências por uma semana. Falando nisso, o Google levou o Meet para a tela da TV (é sério!) e o Zoom chega a outros dispositivos com tela.

E um senador argentino tentou burlar a reunião no Zoom com uma foto de papelão.
O cubículo doméstico da Panasonic (Panasonic/Divulgação)
Use e pague
A Dell lançou no Brasil um programa de assinatura sob demanda de servidores, equipamentos de rede, storage e outros serviços. O pagamento é feito de acordo com o uso dos produtos/serviços.
De novo
R$ 312,7 milhões é o valor de mais um prejuízo do Nubank. Mas é parte da estratégia... haja paciência e caixa.
Troca-troca
A Trocafone, loja de smartphones usados, já vendeu 1,4 milhão de aparelhos em cinco anos e cresceu 40% no primeiro semestre de 2020 - culpe a pandemia.
Compartilhe