Copy
16 de setembro de 2020
Essa semana foi excelente e fora do comum. Tivemos uma rara edição extra da Interfaces na terça-feira e, bem, tudo que conseguimos dizer com o alcance que a newsletter atingiu é: nossos leitores são demais.

Obrigado por compartilhar a mensagem com mais gente, por email ou pelo Twitter. Temos novidades legais vindo em outubro para os nossos já quase 5 mil assinantes. 

Fusões e aquisições seguiram essa semana (TikTok e Oracle, NVidia e ARM), mas tem ainda lançamentos da LG, dinossauros virais e Kim Kardashian comprando briga com Mark Zuckerberg. 

Boa leitura, continuem indicando a Interfaces para os amigos e até semana que vem - Henrique e Samir.
Eletrônicos de consumo
No ar
O evento da Apple em setembro foi direto ao ponto: vamos falar de Apple Watch e iPads, logo nada de iPhone novo agora e confirmando previsões de que só veremos os iPhone 12 em outubro mesmo. Legal ver um evento para produtos que sempre ficam ofuscados no evento maior de smartphones. 

Maior destaque vai para o novo iPad Air, com processador A14 Bionic, novo sensor de digitais (no topo do aparelho) e um design que dá dicas de como será a próxima geração de smartphones da Apple.

Mas o mais importante aqui é que o iPad Air pode ser um bom indicador do que vem por aí nos Macs com chips Apple Silicon. Em notas paralelas, os iOS 14/iPad OS 14 foram liberados para download e a Apple lançou um pacote de serviços unificados (One) que já causou reclamação (Spotify).

Os novos Apple Watch assumem de vez a função fitness/saúde do relógio, com oxímetro integrado e o anúncio do serviço de aulas online Apple Fitness+. É algo que o Eduf, da newsletter TXT, filosofou: estamos na era da "auto-vigilância" - o que não é ruim.

Bônus para o Apple Watch SE, versão econômica do relógio. 
iPad Air:  um preview do que teremos nos novos Mac (Apple/Divulgação)
Ainda a Sony
Nossa edição extra de terça-feira com a notícia do fim das operações da Sony em eletrônicos de consumo merece três leituras complementares: o governo de Manaus reclamando da decisão, o sindicato dos metalúrgicos locais diz que a indústria local está abandonada faz tempo e o Henrique escreveu uma eulogia para a marca.
Mais TVs, menos concorrência
A Panasonic anunciou duas novas telas 4K com Android TV - de 50" e 55"- da linha HX550B e preços que começam em R$ 3.199.

Perguntamos sobre como fica o mercado de TVs com a saída da Sony e a resposta foi bastante honesta: "Não é algo que a gente comemora, é um player a menos no mercado", comentou Fabio Campanha, da Panasonic Brasil, durante a coletiva.
Only Fans
Dia 23 a Samsung transmite mais um Unpacked (daqui a pouco vai ter "unpacked" até para bateria externa e fone de ouvido), agora em evento online "feito para fãs".

Vem aí o Galaxy S20 Fan Edition - parece ser um um S20 com câmera mais simples e especificações avançadas, com design colorido.  

Enquanto isso, na Índia, a pré-venda do Galaxy Z Fold2 está indo melhor do que o esperado (em comparação com o primeiro modelo, que foi um experimento).
Páginas amarelas
LG Velvet: Smartphone com design atraente e câmera que enxerga muito bem procura comprador com interesse em gastar muito em aparelho que se vende como topo de linha, mas é um intermediário razoável.
LG Velvet: design lindo, câmera legal, por dentro, um chip de 2018. (Henrique Martin/Interfaces)
T-lefone
Lá fora, a LG tornou oficial o Wing, o smartphone 5G com duas telas que deslizam para o lado, em formato de "T". Só não fale que é um "t-são", por favor.

O Verge percebeu que tem mais um aparelho com formato único da LG a caminho.  
translúcido
A Harman-Kardon lançou no Brasil a quarta geração das caixas de som Soundsticks. É uma atualização do design clássico transparente que ficou famoso por combinar com o lançamento dos iMacs no começo dos anos 2000 - e só funciona com conexão Bluetooth.
Palmirinha
O Android 11 tem o codinome interno de "Red Velvet Cake" e, bem, o 9to5Google encontrou uma receita escondida numa estátua de Android na sede do Google - e fez o bolo!
Alerta Aeroporto
A alfândega dos EUA fez barulho sobre a apreensão de 2 mil clones dos AirPods, da Apple. Não eram produtos falsificados, eram fones OnePlus Buds Mix, que são bem… parecidos.
Dá para confundir, se você não é um fiscal que deveria saber o que faz (Twitter/Reprodução)
fiat lux
Próximo passo na energia renovável: telhas solares para substituir os grandes painéis no telhado das casas. A Eternit conseguiu aval para começar a vender o produto, que ainda está em fase de testes.
universo em desencanto
O céu apocalíptico provado pelos incêndios mundo afora causam um problema tecnológico: mesmo smartphones topo de linha não conseguem capturar as cores de forma exata. 
Números enormes
A NVidia vai pagar US$ 40 bilhões para comprar a ARM - último bastião da alta tecnologia do Reino Unido e mãe dos projetos de grande parte dos chips em uso no mundo hoje, incluindo os do seu smartphone agora.

A compradora diz que vai manter a ARM independente, mas existem muitas questões sobre o futuro dessa transação para o mercado e para o consumidor.
Físico
Vinis vendem mais que CDs nos EUA, diz levantamento da RIAA, eterna vilã naquela disputa judicial anos atrás contra o Napster (guardamos rancor contra o Metallica até hoje).
Literal
Você usaria um óculos feito pelo Facebook? A rede social se uniu à Luxxotica (que nome delicioso de ótica do centro de cidade do interior, porém pertencente a milionários), dona da Ray Ban, para criar óculos inteligentes com algum senso de estilo. Não, obrigado.

A turma do Zuckerberg também lançou novos óculos de realidade virtual, que também não foram muito bem recebidos.

Achados Amazon da Semana
Cultura digital
Virais
O melhor TikTok sobre o fim dos dinossauros foi feito por uma paleontóloga. A versão para português é bem pensada também.

Ah sim, encontramos um ciborgue brasileiro.

E o TikTok segue sendo visto como a mina de ouro das redes socias para criadores que viralizam e atraem assinantes para seus OnlyFans.
TikToracle
O governo dos EUA escolheu a Oracle como favorita para comprar o TikTok por lá. A melhor parte é o comunicado de imprensa da Oracle, menor que esta nota da Interfaces.

O NYT comenta que, na busca por um novo CEO para a operação americana, um potencial candidato é Kevin Systrom, ex-Instagram.

Se ele por acaso assumir, aguardamos sangue escorrendo na concorrência contra o Facebook. Systrom, após deixar o Instagram, é um crítico feroz das práticas da turma que faz rápido e quebra coisas no vale do silício.

Enquanto a venda não sai e o CEO não chega, o governo Trump promete restringir acesso ao TikTok e ao WeChat nos EUA já neste domingo.
Keeping up without the…
Kardashians? Sim.

Kim Kardashian (com a ajuda de uma dúzia de outras celebridades) congelou suas contas no Facebook e Instagram em protesto - tem a ver com as redes de Mark Zuckerberg seguirem com discurso de ódio, radicalismo, QAnon.

O Facebook ignorou o protesto.
O que o Facebook fez errado sempre
Uma ex-cientista de dados do Facebook compartilhou um texto com o Buzzfeed sobre todas as falhas e abusos que ela viu lá dentro, ignorando o fato de a rede detectar manipulação política ao redor do mundo (Brasil incluso) e não fazer nada.

"Sinto que tenho sangue nas mãos", diz a moça no texto. E a gente sente que tem que apagar a conta do Facebook logo. 

Já no capítulo Instagram fazendo lambança, o Facebook está sendo acusado (e processado em San Francisco) de espionar os usuários usando a câmera dos smartphones pelo app de fotos. Que surpresa, só que não.
Bom dia a você que com a sua audiência é sinal de prestígio para nossa newsletter
Existe um mercado de criação de mensagens de BOM DIA e afins para WhatsApp e redes sociais.

O modelo de negócios é simples: otimização nas buscas, muito tráfego e publicidade online.

Lembramos do lendário brasileiro que, no auge da blogosfera, tinha um site de orações inventadas para capitalizar com Google AdSense. Reza a lenda que ganhou bastante dinheiro.
Papagaio
Se está na internet, pode ter uma versão pirata: e essa máxima é válida para podcasts também. A Anchor apertou o cerco contra podcasts roubados (!)
Fim de uma era
A C|Net foi vendida pela CBS para a Red Ventures, empresa de publicidade online. A CBS comprou por US$ 1,8 bilhão em 2008, vendeu por US$ 500 milhões. 
Games
com ou sem disco?
Após muita especulação, a Sony (a que fica) anunciou os preços do PlayStation 5 no Brasil. R$ 4.999 pela versão que roda discos Blu-Ray e R$ 4.499 pela que apenas terá jogos digitais.

Os consoles se esgotaram, provando que a crise está braba, mas o gamer que tem dinheiro topa pagar em até 30 vezes no carnê.

Os jogos devem ficar em torno de R$ 350, mais do que o praticado na atual geração, mas menos do que o que se esperava, se a empresa fosse dar a desculpa padrão dos preços altos pela disparada do dólar. Vamos ver como o mercado cinza se comporta: já há anúncios com consoles cerca de R$ 500 a R$ 700 mais baratos do que nas lojas oficiais.

Agora falta a Microsoft soltar os preços dos Xbox X Series. Com o nosso histórico, sempre tem o risco de ser minutos depois de dispararmos a newsletter.
Spider-Man Miles Morales: preços do game para PS5 começam em R$ 249,90. (Sony/Divulgação)
Passa o pano…
A Warner, produtora do jogo Hogwarts Legacy, de Harry Potter, tenta se afastar da imagem negativa que J.K Rowling  cativou nos últimos tempos ao ser abertamente transfóbica.

O discurso é de que Rowling não teve envolvimento com o jogo e deve receber dinheiro de royalties apenas.
foi dada a largada
A NVidia está em uma semana no mínimo agitada. Começaram a sair os reviews das novas placas RTX, que impressionam.

Os preços dessa geração tendem a ser mais interessantes do que as da anterior - principalmente se levado em consideração o salto de desempenho e as funcionalidades.

Lá fora, a procura no lançamento foi tanta que as placas se esgotaram, levando a uma inflação no Ebay.
Conhece a NimoTV?
A concorrente chinesa da Twitch está no país há dois anos.
Leituras longas
Memórias
11 de setembro de 2001 foi o ponto de partida de uma outra tragédia que nos afeta até hoje: as teorias da conspiração. A Esquire conta a mais famosa delas. 
Lei e ordem
Em tempos de pandemia, um tribunal nigeriano decretou a morte de um prisioneiro por uma Zoom-conferência. Mais detalhes no excelente Rest of World.
Sente-se, Relaxe…
...e descubra o mundo psicodélico de músicas 800x mais lentas no YouTube.
Melhor que coach
Ouça uma gravação de Steve Jobs direto de 1988 falando da NeXT, antes de voltar para a Apple. Tem áudios de outros pioneiros da indústria de tecnologia também. 
TechBiz
Muitos dinheiros
A Quanto, nova fintech de open banking, recebeu aporte de US$ 15 milhões dos grandes bancos (Itaú e Bradesco) - e indica que o Brasil vai apostar na parceria do dinheiro velho com o novo. 
Aqui no mar
Dois anos atrás a Microsoft afundou um datacenter no mar da Escócia e agora recuperou o coitado, cheio de cracas e sujeira - e diz que deu tudo certo. 
Operação lava-jato para o datacenter submarino ficar limpinho (Microsoft/Divulgação)
Super
A IBM atualizou seus planos sobre computação quântica e diz que até 2023 ele terá um processador de mil quibits (bits quânticos). Aguardamos Google e AWS revelarem números atualizados sobre seus projetos.
futuro do varejo
A Amazon inaugurou seu primeiro supermercado Amazon Fresh em Los Angeles, com direito a frutas, verduras e legumes, tudo sem caixa.

Basta entrar, colocar os produtos nos carrinhos tecnológicos cheios de sensores e ir embora, com cobrança automática no cartão.
Compartilhe